Alerj aprova projeto de lei que protege vida de bancários e seus familiares 

03 de novembro de 2016

 

PL proíbe que funcionários de bancos guardem chaves dos cofres de agência e transportem numerários

A Alerj aprovou hoje (3/11) Projeto de Lei 184-A/2015, de autoria dos deputados Carlos Minc e Paulo Ramos, que proíbe que funcionários de instituições financeiras, públicas ou privadas, guardem em seu poder as chaves dos cofres e agências que trabalham. O PL proíbe ainda que os bancários transportem numerários de suas agências; o que deverá ser feito por carros-fortes. Encaminhado para sanção do governador Luiz Fernando Pezão, o projeto de lei tem como objetivo não colocar em risco a vida dos bancários e seus familiares.

“Há décadas que bancários vêm sendo obrigados a cumprir a difícil tarefa de fiel guardador das chaves das agências e cofres de seus locais de trabalho, além de transportarem numerários sem nenhuma segurança. Segundo denúncia de sindicatos dos Bancários de vários estados, a vida e a integridade física dos bancários e de suas famílias têm sido colocadas em risco”, afirma Minc.

Segundo Minc, serviços como guarda das chaves das agências bancárias e seus cofres, bem como transporte de numerários, devem ser de única e estrita responsabilidade de empresas de segurança especializada, pois os bancários não possuem curso e tampouco foram contratados para essas atividades.

Assine nosso Boletim

+55 (21) 2588-1227

ALERJ - Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro

Prédio anexo - Gabinete 402

Rua Dom Manuel, S/N - Centro
CEP: 20.010-090

  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Grey Twitter Ícone
  • Cinza ícone do YouTube